Um estudo realizado pela Ipsos e encomendado pelo PayPal concluiu que os comerciantes devem ter mais atenção ao mobile, oferecendo experiências optimizadas para dispositivos móveis. Desta forma, conseguirão atrair mais consumidores jovens.

Quase 80% dos consumidores entrevistados em todo o mundo admitiram ter feito compras via smartphone, nos últimos seis meses. Por outro lado, apenas 63% das empresas revelaram ter um site otimizado para telemóveis ou mostraram estar otimizadas para aceitar pagamentos através de um dispositivo móvel.

25% dos comerciantes de todo o mundo afirmaram que a sua prioridade é manter o negócio rentável e, portanto, o mobile não está na lista de prioridades da marca. O estudo afirma, contudo, que se a presença em dispositivos móveis passasse a ser mais considerada, iriam aumentar até 15% a receita de vendas.

Na Europa, Itália é o pais onde mais compras se fazem através de smartphones (83%) e, a nível mundial, Índia é o país com maior comércio em dispositivos móveis, com 70% dos consumidores indianos a fazerem compras por telemóvel.

O estudo apurou, também, que a questão da segurança é o principal motivo pelo qual os consumidores evitam comprar por telemóvel, embora os comerciantes também apresentem elevados níveis de preocupação.